Rita de Almeida

tulipaTulipa

Sou a noite, sou o dia
a carne e o espírito
o labirinto e a reta
o cérebro e o útero
a razão, o coração
Sou cinzas, ocres, terras, negros
e sou púrpura, amarelo, laranja, violeta,
homogênea, heterogênea
Sou opostos, antagonismos
espinhos, maciez,
sedução e estranheza
Sou reta e sou labirintos,
a fruta, o espinho, lucidez e escuridão
Sou planície e sou água
gravidez e aridez, ouro e prata
Sou peixe, sou ave, sou… sou … sou… sou

rita de almeida

Tulips
Rita de Almeida (Bauru–SP, 1954) vive e trabalha em São Paulo-SP, Brasil.

Rita de Almeida   Rita de Almeida   Rita de Almeida   Rita de Almeida

Com um trabalho bastante diversificado nas Artes Plásticas, como professora,
arte-terapeuta, fotógrafa é na pintura que tem nitidamente marcada sua
presença na cena artística.

Desde a década de 90 tem em si uma forte presença da costura em sua
composição. Aborda o uso da cor, sua estrutura, comportamento, textura,
pigmento, pincelada…

Forma-se em História e Artes Plásticas. Faz pós-graduação em Arte Terapia
e viaja para Londres onde participa de aulas e oficinas no Camden Arts Centre.
De volta ao Brasil, freqüenta o mestrado no Instituto de Artes da UNICAMP –
Campinas-SP como aluna especial.

Em 2007 realiza cursos e exposições. Participa como fotógrafa do livro
“Sorrisos do Brasil” da ONG Dentista do Bem de Fábio Bibancos.

Esta série, “Sorrisos do Brasil”, originou-se de um trabalho conjunto com o cirurgião dentista Dr. Fabio Bibancos e seu projeto “Dentistas do Bem”; do qual resultou a publicação de um livro, juntamente com outros fotógrafos, sendo que as três primeiras fotos deste album foram publicadas no livro.